Como montar uma estratégia de palavras-chave - Vero Contents

Como montar uma estratégia de palavras-chave

Uma boa estratégia de palavras-chave é essencial para conquistar o sucesso no marketing digital. Afinal de contas, o mundo na web começa, na maioria das vezes, pelas ferramentas de busca.

Sendo assim, toda empresa deve ter um trabalho de palavras-chave bem estruturado.

Além disso, é muito importante saber que não é possível estar em primeiro lugar em todas as SERP (Search Engine Results Page), ou páginas de resultados.

Escolher bem as palavras-chave que são essenciais ao seu negócio e para a etapa que ele se encontra será a forma de sua empresa alcançar um lugar de destaque.

O que são palavras-chave

Embora utilizemos o termo palavras-chave como se fossem únicas, as chamadas keywords podem ser palavras ou expressões. Ou seja, para citar um exemplo, marketing é uma palavra chave, assim como agência de marketing digital é outra palavra-chave.

É preciso entender também o significado técnico do que é palavra-chave. As buscas nas ferramentas como Google, Yahoo e Bing são feitas por meio dessas palavras. Elas são, portanto, os termos que os internautas utilizam para realizar uma busca. E mais do que isso, para achar uma resposta que solucione seus problemas.

É por conta dessa definição que costumamos dizer que sua empresa precisa ser a resposta que as ferramentas de busca encontram em uma pesquisa de palavras-chave.

Porque ter uma estratégia de palavras-chave

Primeiramente, se você já entendeu o conceito, é necessário montar uma estratégia de palavras-chave consistente. Não basta então ter algumas palavras-chave da sua área de atuação no texto do seu site.

Para se ter uma ideia da importância das palavras-chave, são feitas mais de 40.000 pesquisas por segundo no Google, em média. São mais de 1,5 bilhão de sites presentes na web e mais de 4 bilhões de usuários. Um número, inclusive, que aumenta a cada segundo.

Imagine então que se você tem um site que está estático há, pelo menos, um ano. Ele está, portanto, completamente desatualizado. Isso acontece porque uma mesma pessoa não realiza uma pesquisa sobre determinado assunto usando a mesma palavra-chave todas as vezes.

Além disso, nos habituamos a imaginar como as pessoas realizam essas pesquisas, mas cada cabecinha funciona de uma forma. Ou seja, cada pessoa procura de um jeito.

Mesmo que suas palavras-chave estejam ainda em conformidade com as buscas realizadas em seu mercado, você poderá estar desperdiçando novos visitantes que já estão atrás dos seus serviços ou produtos. Portanto, você deve ter uma estratégia de palavras-chave constante e diária.

No post Dicas de otimização para mecanismos de busca  falamos sobre as melhorias e técnicas para as ferramentas de busca e como elas funcionam. Isso irá lhe ajudar a entender a parte técnica por trás dessas engenhocas.

Conheça bem o seu negócio na web

Mesmo você sendo um grande especialista no seu ramo, é primordial que você conheça o seu negócio no universo digital. Entender como as pessoas realizam as pesquisas e em qual estágio de compras estão farão com que você alcance ótimos resultados. Outro conceito muito importante para montar uma estratégia de palavras-chave é o funil de vendas.

Mas como fazer tudo isso funcionar? No marketing digital, existem diversas ferramentas que irão lhe auxiliar na montagem dessas estratégias. Além de usá-las, você pode também dar uma olhada nos sites dos concorrentes e fazer testes realizando buscas no Google, Yahoo e Bing.

É importante também que você considere algumas variáveis que impactam diretamente nas pesquisas, além do estágio de compra do seu cliente no funil de vendas. São elas: volume de pesquisas, concorrência, oportunidade e posição.

Trabalhando as variáveis

O volume de pesquisas é uma variável básica, mas que contém algumas pegadinhas. Primeiramente, utilize as ferramentas para saber qual o volume que cada palavra-chave pode lhe trazer.

Você pode estar em um segmento onde uma determinada palavra-chave possui um volume muito alto, mas é muito concorrida. E o inverso também pode acontecer. E é aí que estão as pegadinhas, pois muita gente foca somente nas palavras-chave de volume alto.

Mas você pode escolher trabalhar com palavras-chave com um volume menor de pesquisas e baixa concorrência. Isso fará com que você tenha resultados mais imediatos, por exemplo.

Pense também que cada palavra-chave corresponde a um estágio de funil do seu potencial cliente. Isso deve estar bem claro em suas estratégias. Existem segmentos com palavras-chave com volume de pesquisas muito altos e com baixa concorrência. Essas palavras podem ser trabalhadas tanto na mídia paga, quanto organicamente.

Veja que a variável volume de pesquisas está diretamente ligada à segunda variável: concorrência. Como já dissemos, você deve considerar se a palavra-chave é muito concorrida ou não. Isso dependerá do posicionamento de sua empresa no mercado e também de outras questões estratégicas.

A terceira variável é oportunidade. Algumas palavras-chave trazem consigo nos resultados de busca outros elementos, como vídeos, mapas, localização de empresas, etc… Isso pode fazer com que a atenção do usuário no resultado da primeira página seja disperso. A oportunidade aqui é encontrar palavras que não tenham tantos elementos nos resultados de busca, o que fará com que você consiga ter destaque na SERP.

A última variável é a posição. Por meio de ferramentas, como o SEMRush e o RD Station, por exemplo, você poderá avaliar sua posição em relação a determinada palavra-chave. Assim, você poderá traçar uma estratégia de palavras-chave específica para cada palavra que está utilizando, e destacar-se em uma ou outra que seja estratégica para sua empresa.

Ofereça sempre novos conteúdos

Dentro de uma boa estratégia de palavras-chave você deve pensar sempre na geração de conteúdo. Sempre dissemos aqui Porque a produção de conteúdo é tão importante. Isso tem total relação com o trabalho de palavras-chave.

A produção de conteúdo para web deve ser constante, sempre pensando no benefício que você estará passando para sua audiência. Estar sempre alinhado com sua persona é também um item básico e essencial para que sua estratégia seja bem sucedida.

E lembre-se sempre de avaliar suas ações para evoluir em suas estratégias e de ter sempre as suas estratégias registradas e documentadas.

Quer saber mais sobre inbound marketing e marketing digital? Assine nosso canal “Conteúdo é Ouro”. E aproveite para assistir nosso vídeo sobre palavras-chave:

Por Marcel Castilho

6Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *